4 dicas infalíveis de coaching para aumentar a produtividade

Existe uma série de técnicas de coaching que você pode praticar para aumentar sua produtividade e melhorar o padrão com o qual você realiza suas atividades.

 

1 – Concentre suas forças

Em reuniões de estratégia corporativa, os gestores se concentram em aumentar o “retorno sobre o patrimônio” (ROE). O propósito da estratégia de negócios é alocar os recursos da empresa de tal maneira que produzam o maior retorno financeiro possível sobre o próprio capital investido. Aqui temos outro tipo de ROE para você.

Na definição da sua estratégia pessoal, seu objetivo deve ser obter o maior “retorno de energia”. Seu trabalho é alocar seus talentos e habilidades para conseguir o maior retorno possível sobre as energias mentais, emocionais e físicas investidas em seu trabalho. O maior retorno de energia acontece quando você combina seus talentos e habilidades com as necessidades específicas indispensáveis em uma determinada situação. Sendo assim, a chave para a alta produtividade é focar e se concentrar unicamente na tarefa em questão.

Sempre que tiver um trabalho novo para fazer, pergunte a si mesmo: “Será que este trabalho me dará o maior retorno da energia investida?” Discipline-se a aplicar suas habilidades onde você possa conseguir os melhores resultados e benefícios, tanto para você quanto para sua empresa.

2 – Maiores Resultados

Concentre-se onde é possível atingir maiores resultados. Foque nas poucas áreas, nas quais o seu ótimo desempenho pode trazer excelentes resultados. Normalmente, menos de 5% do que você faz corresponde à maioria dos seus resultados. Sempre se pergunte: “O que eu, somente eu, posso fazer que, se bem feito, fará uma grande diferença?”.

Discipline-se a não realizar tarefas que, não importa o quão bem você as faça, não ajudarão você em sua carreira. Elas não darão um retorno tão elevado de energia.

3 – Foque no seu melhor

Quando você faz atividades nas quais se sobressai, consegue fazer mais, cometer menos erros e ser mais produtivo. E não é só isso! Você aprecia mais o seu trabalho quando trabalha em atividades as quais sabe fazer bem. Quais são as atividades que você faz melhor do que ninguém? O que você faz facilmente e, no entanto, parece difícil para os outros? Concentre-se em seus talentos únicos e nas áreas em que possa alcançar maiores resultados. Esta é a chave para chegar ao auge do desempenho.

4- Torne-se Líder Coach e potencialize resultados

Ser coach é uma habilidade, uma competência, uma profissão e um estilo de vida. Sempre pautada em resultados, a carreira desenvolve liderança e empreendedorismo pessoal e profissional, podendo trazer benefícios para todas as áreas da vida.

Um estudo da The Manchester Review Review mostrou que o processo de coaching beneficiou as pessoas nos seguintes quesitos: aumento da autodescoberta e do autoconhecimento, definição de objetivos que propiciam uma vida mais equilibrada, diminuição do estresse diário, melhoria da qualidade de vida e otimização das relações interpessoais.

Tornando-se um coach, você também irá se autodesenvolver e aprimorar todas as habilidades de liderança, despertando o seu máximo potencial para fazer com que pessoas, equipes e empresas alcancem os resultados esperados.

 

 

 

Fonte: Administradores.com

“”

Veja os 5 piores perfis de profissionais

Seja na hora de contratar ou de oferecer uma promoção, os perfis dos profissionais fazem toda a diferença.

 

Seja na hora de contratar ou de oferecer uma promoção, os perfis dos profissionais fazem toda a diferença.

Alguns, inclusive, chegam a jogar contra qualquer uma das duas oportunidades.

E foi isso que o Nube (Núcleo Brasileiro de Estágios) tentou mapear para alertar quem está entrando nomercado de trabalho ou quem quer se dar bem dentro da empresa – ou seja, todo mundo.

Depois de ouvir 6.945 pessoas, com idade entre 15 e 26 anos, a conclusão foi que os “fofoqueiros” são os mais mal vistos pela equipe, segundo 27,43% dos entrevistados. Nada mais tóxico no escritório do que aquela pessoa que sempre tem um comentário negativo a fazer sobre quem quer que seja.

Na sequência – quase empatados -, aparecem os “enroladores”, com 27,30%. Fingir estar sempre atarefado, mas nunca produzir nada e não ter nenhuma iniciativa também incomoda muito.

“Quando há uma maçã podre no círculo de convivência, todos os integrantes de uma equipe acabam contaminados. Por isso, tanto quem faz fofoca como os enroladores prejudicam o ambiente por inteiro e são mal vistos pelos colegas”, disse a coordenadora de treinamento e desenvolvimento do Nube, Yolanda Brandão, em entrevista ao Jornal O Globo.

Viver reclamando de tudo e de todos e descontar o mau humor nos colegas de trabalho também pega muito mal. Por isso, em terceiro lugar apareceu o “ranzinza”, com 22,75% dos votos.

Ainda de acordo com Yolanda, este é um tipo de comportamento bastante imaturo e que pode colocar o trabalho em risco.

Já o funcionário “pavão” conquistou a quarta posição com 13,03%. Sempre presente, é aquele que adora ser o foco das atenções e comentar seus bons resultados.

Por fim, na base da lista, com 9,49%, apareceu o “bajulador”. Tudo o que ele faz é criar laços em busca de benefícios.

Cinco rótulos extremamente prejudiciais e que, cedo ou tarde, podem destruir carreiras.

Fonte: Exame.com

“”

8 hábitos que podem arruinar suas apresentações

“ Mesmo a melhor apresentação pode virar um fracasso caso o orador cometa alguma dessas gafes. O colaborador do site Inc. Geoffrey James, após ler um artigo sobre erros de apresentações que os vendedores cometem frequentemente na frente dos clientes, escrito pela consultora de vendas Colleen Francis, percebeu que muitos dos itens listados se aplicam a todos…

Conferência Google I/O terá eventos oficiais no Brasil

Daqui a duas semanas começa a Google I/O, conferência da gigante das buscas voltada para profissionais e desenvolvedores de aplicativos e softwares. As entradas para o evento, que acontecerá em São Francisco, nos Estados Unidos, já estão esgotadas, mas uma novidade vai permitir a participação de usuários de outros países – inclusive do Brasil.

Como explica José Papo, gerente de relacionamento com desenvolvedores do Google Brasil, no blog oficial da empresa, nos dias 24 e 26 de junho, quando será realizada a conferência nos EUA, desenvolvedores brasileiros poderão participar da Google I/O Extended. Essas versões ampliadas do evento vão permitir aos cadastrados assistir ao keynote do evento principal por streaming do YouTube, realizar atividades focadas no ecossistema local de desenvolvedores, participar de palestras regionais e criar conexões com outros profissionais da área.

Cada municípo terá uma programação própria. Em São Paulo, por exemplo, a Extended terá uma experiência semelhante à versão americana, com palestras sobre diversas ferramentas da empresa, entre elas a plataforma Google Cloud, os óculos inteligentes Google Glass e o sistema operacional para dispositivos vestíveis Android Wear. O evento na capital paulista contará ainda com a presença de Kenzo Porto, especialista no serviço de mapas do Google, e Anderson Casimiro (Duodraco), da Jetbrains.

Para se inscrever é necessário ter perfil técnico, ou seja, apenas profissionais terão acesso ao cronograma de atividades da Google I/O. Neste caso, o internauta precisa incluir no formulário seu perfil profissional no LinkedIn ou Github. Os participantes serão escolhidos por sorteio e os ganhadores serão revelados no dia 20 de junho. O formulário já está disponível na internet (clique aqui para acessar) e qualquer pessoa pode se cadastrar – desde que tenha disponibilidade para viajar até São Paulo.

Quem não for sorteado poderá acompanhar iniciativas semelhantes em outras cidades brasileiras, sendo elas Rio de Janeiro, Porto Alegre, João Pessoa, Aracaju, Belo Horizonte, Jaraguá do Sul, Vale do Paraíba e Florianópolis. A programação completa de onde serão realizados os eventos do Google I/O Extended no Brasil pode ser acompanhada na página Desenvolvedores Google na rede social Google+. Há também um PDF completo sobre as Extendeds divulgado pelo Google, que você pode visualizar neste link (em inglês).

A Google I/O será realizada nos dias 25 e 26 de junho, no Moscone Center, em São Francisco. Além de novidades para desenvolvedores, engenheiros e profissionais da área de design, o evento trará anúncios relacionados a novos produtos e serviços do Google, incluindo o Android, o Project Ara, projeto de smartphones modulares, e o Android Wear, sistema operacional para dispositivos vestíveis. Há ainda um rumor de que será apresentada uma versão do serviço de streaming de jogos e filmes batizado de Android TV.

 

Fonte: Canaltech

“”

4 dicas para se tornar um grande orador

“ As vezes, mais difícil que montar uma apresentação, é falar. Poucas coisas são tão recompensadoras quanto sentir que os seus ouvintes estão na palma da sua mão e poucas são tão aterradores quanto perceber que elas não ligam para o que você está dizendo. Sims Wyeth, colunista da Inc., escreveu um artigo sobre assunto. Com…

3 passos para ser um líder melhor

“ Os oficiais da Marinha passam por um rigoroso processo de seleção, onde são treinados para dar o exemplo em tudo o que fazem. Para receber o respeito dos companheiros, eles são ensinados a realizar as mesmas tarefas designadas ao resto da equipe, só que ainda melhor. O mesmo deve ocorrer no ambiente corporativo: um…

10 eBooks gratuitos para empreendedores

“ Três dos quatro maiores desafios dos empreendedores estão ligados a falta de conhecimento em gestão de negócios, de acordo com o estudo "Empreendedores Brasileiros: Perfis e Percepções" da Endeavor. Para melhorar esse cenário, a Endeavor lança gratuitamente em seu portal o décimo eBook de uma série que aborda áreas essenciais como marketing, vendas, finanças,…

Cinco dicas para tornar o CRM um portal corporativo

“ Os dados do cliente constituem um recurso poderoso que pode ser compartilhado pelos departamentos da empresa para melhorar a eficácia de vendas e a eficiência operacional. Com acesso direto aos dados de ERP, pesquisas de satisfação do cliente, embarques de produtos e históricos de pagamento, as equipes de vendas podem desenvolver relações fortes, explorando…